Para ter uma boa saúde, focando principalmente na prevenção, é necessário modificar hábitos que muitas vezes já estão enraizados, a começar pelo que comemos. Mas você sabe como fazer uma alimentação saudável?

Essa reeducação alimentar passa por uma série de pequenas mudanças que têm um grande impacto no seu corpo e na sua saúde.

Para que você possa implementar isso na sua vida, listamos algumas dicas que podem ajudar. Com um pouco de organização, é possível colocá-las em prática e sentir seus benefícios. Confira a seguir! 

Leia revistas sobre alimentação

Informação é a melhor maneira de trabalhar preventivamente a sua saúde. Afinal, muitas vezes temos hábitos ruins porque não sabemos que são ruins. Nessa área, existem muitos mitos, como alimentos que são vendidos pela indústria como saudáveis, mas que podem ser prejudiciais. 

Portanto, adquirir informação e conhecimento é fundamental para escapar dessas armadilhas. A melhor forma de fazer isso é assinar e ler revistas sobre alimentação e bem-estar. Os artigos são bem variados e, em uma mesma edição, você pode aprender sobre diversos assuntos, de maneira mais aprofundada do que lendo artigos disponíveis na internet. 

Essas revistas também trazem entrevistas com especialistas e, além de informar sobre alimentação, dão outras dicas relacionadas à saúde, como a prática de exercícios físicos, por exemplo, representando um excelente investimento para quem busca uma vida mais saudável.

Priorize alimentos da estação

Outra dica de como fazer uma alimentação saudável é aproveitar ao máximo os alimentos da estação. Além de ser uma decisão acertada para o seu bolso, já que as frutas e verduras da estação são muito mais baratas, é excelente também para a sua saúde. 

Essa diferença deve-se principalmente ao fato de que os alimentos da estação precisam de menos agrotóxicos e conservantes para serem produzidos e se desenvolverem bem. Então, como hábito saudável, procure comer pelo menos 4 tipos diferentes de frutas e de verduras todos os dias. Vai fazer muito bem para o seu corpo! 

Compre orgânicos

Nós sabemos que se alimentar com orgânicos nem sempre é possível, devido à dificuldade de encontrá-los e aos altos valores geralmente cobrados por esses produtos. Entretanto, os benefícios para a sua saúde, quando você investe neles, são inúmeros.

Muitas pesquisas já comprovam os malefícios dos agrotóxicos para a saúde humana, sendo relacionados a doenças graves, inclusive ao câncer. E a melhor maneira de evitá-los é optando por alimentos orgânicos, especialmente se forem adquiridos de produtores locais.

Nossa dica é procurar feiras de produtores rurais próximas à sua casa ou região. Nesses locais geralmente o preço é menor que o do supermercado, compensando financeiramente. Além disso, a longo prazo você economizará em médicos e remédios, já que está priorizando a sua saúde.

Tente comer mais em casa do que na rua

Comer em casa é sempre a melhor opção, pois você poderá controlar o que está ingerindo.

Em um restaurante você não sabe a procedência dos ingredientes e como foram preparados. Além disso, mesmo nos estabelecimentos que têm uma proposta mais natural, poderá encontrar uma grande quantidade de conservantes na comida. 

Quando comemos em casa também aproveitamos melhor o momento da refeição, degustando os alimentos com calma, o que é fundamental para que nosso organismo faça a digestão e absorva os nutrientes necessários para a nossa saúde.

Então, mesmo quando não for possível fazer as refeições em casa, busque tirar um tempo de qualidade para fazê-las.

Beba água

Você já deve saber, mas nunca é demais falar: beba muita água. Sem a quantidade necessária do líquido, a sua saúde fica prejudicada. Os órgãos demoram mais para funcionar, a pele acumula toxinas, o intestino pode enfrentar problemas e tudo isso afeta o seu bem-estar.

Dessa forma, uma das melhores dicas para uma alimentação saudável é beber água suficiente. O ideal é consumir pelo menos 2 litros da bebida por dia. Uma boa maneira de adquirir esse hábito é ter uma garrafinha de água por perto e ir bebendo aos poucos no decorrer do dia. 

Para ajudar ainda mais nessa missão, hoje você pode encontrar uma série de aplicativos para smartphones que exibem notificações para que você lembre-se de beber água. Assim, fica muito mais fácil controlar a quantidade ingerida por dia. 

Reduza o consumo de sal

Outro grande vilão para a nossa saúde é o sódio. Por isso, é necessário ter muito cuidado com o consumo excessivo de sal, já que ele causa inúmeros problemas se utilizado em grandes quantidades.

Dentre esses, destacam-se a pressão alta e a retenção de líquido, que podem gerar doenças cardiovasculares bastante graves. Quando for cozinhar, troque o sal por temperos naturais. Além de evitar todos os malefícios do sódio, você ganha acrescentando algumas ervas que trazem inúmeros benefícios para a sua dieta.

Para que sejam saudáveis, é necessário que esses temperos sejam naturais, como orégano, alho, cebola, cheiro verde, alecrim e outros da sua preferência. Não adianta substituir o sal pelos industrializados, vendidos em tabletes ou saquinhos, tão prejudiciais quanto o sal. Assim, você ganha em sabor e saúde!

Não tome líquido durante as refeições

Essa dica também é bastante básica e você já deve ter ouvido falar dela por aí. É melhor evitar a ingestão de líquidos durante as refeições, porque isso atrapalha o processo digestivo. 

Além disso, muitas pessoas acabam mastigando menos quando bebem ao mesmo tempo em que estão comendo. A tendência é que o número de mastigadas diminua, porque a bebida ajuda a engolir a comida mais facilmente.

O ideal é tomar algo 30 minutos antes da refeição, ou pelo menos 1h depois. Mas, se você não consegue largar esse hábito, troque sucos ou refrigerantes pela água.

Com essas dicas, fica muito mais fácil ter uma alimentação saudável e balanceada. O importante é se esforçar para torná-las um hábito, já que a nossa saúde está diretamente ligada àquilo que ingerimos.

Que tal já começar a colocar em prática as nossas dicas de como fazer uma alimentação saudável? Visite o nosso catálogo e conheça as nossas revistas focadas em alimentação e bem-estar. Com certeza elas podem ajudar ainda mais!