Linhas retas, adornos cheios de personalidade e cores variadas. O antigomobilismo é um hobby que tem crescido ano a ano, tanto no Brasil como no mundo. Mas, é mais do que isso: ter um carro de colecionador tem se tornado um dos investimentos de maior valorização nas últimas décadas, superando até mesmo o ouro.

Para ingressar nesse universo cheio de glamour e história, é preciso ficar atento a algumas questões técnicas, como conquistar a famosa e desejada placa preta e ainda contar com diferenciais para o possante. 

Preparamos um checklist com as características necessárias para que sua relíquia alcance novo status com a placa preta de colecionador. Vamos lá?

A (famigerada) placa preta de colecionador

Não basta ter um carro antigo na garagem, a meta é conseguir rodar com ele com a placa preta, não é mesmo? Antes de iniciarmos o checklist, vamos falar com mais detalhes sobre a placa preta. Aproveite para tirar suas dúvidas ou aprofundar-se mais neste universo! 

Os colecionadores, ou adeptos do antigomobilismo, são pessoas que dedicam-se não só à manutenção, mas a restauração dos automóveis antigos. No Brasil, esses carros de colecionadores recebem uma placa especial. 

Assim como os taxistas possuem placas vermelhas, os carros de teste placas verdes e os carros oficiais placas brancas, os carros de colecionadores que se encaixam a determinadas regras, ganham uma placa preta. 

Benefícios da placa preta

Muito além do status, a placa preta garante diversos benefícios para o colecionador, como o reconhecimento do valor histórico do automóvel (o que aumenta seu valor de venda, se for o caso). 

No que diz respeito às leis, a placa preta dispensa o veículo de algumas exigências homologadas após a fabricação do possante.

Ou seja, não precisam passar pela inspeção veicular obrigatória para controle de emissão de ruídos e gases poluentes, e ainda são dispensados do uso obrigatório dos seguintes de itens, como: 

  • cinto de segurança; 
  • airbag frontal tanto para o condutor quanto para o passageiro;
  • encosto de cabeça. 

É possível manter os itens de segurança obrigatórios originais do veículo.

Renovação e manutenção da placa preta

Uma vez conquistada a placa preta de carro de colecionador, não há novas vistorias para garantir a continuidade do artefato. a placa não possui validade. Isso quer dizer que é responsabilidade do colecionador conservar o carro e continuar preservando seu possante, para que o mesmo não acabe desvalorizado.

Padronização das placas no Mercosul

Desde setembro de 2018, os automóveis ainda não registrados passaram a ser emplacados com as placas do Mercosul o que facilita o tráfego nas fronteias, aumenta a segurança contra roubo e clonagem etc. Para os registrados antes desta data, a troca deverá ser concluída até 2023. 

Sendo assim, a placa de carro de colecionador passará a ser branca com letras e números em prateado conferindo ao veículo mais ares de relíquia. 

Checklist: conquistando a placa de colecionador 

Quer saber o que você precisa para conquistar a sua placa preta de carro de colecionador? Vem que a gente lhe mostra passo a passo! Os requisitos listados foram elencados na resolução nº 56 do Código de Trânsito Brasileiro para ter esse tipo de emplacamento.

Certificado de originalidade

O primeiro passo para conseguir a placa preta é adquirir o certificado de originalidade que atesta os seguintes itens:

  • fabricação do veículo há mais de 30 anos;

  • conservação das características originais do fabricante – não existe uma porcentagem fixa, porém no geral 80% de originalidade e 70% de conservação já costumam ser aceitos;

  • pertencimento a uma coleção.

Esse documento é emitido somente por entidades credenciadas e reconhecidas pelo Denatran — Departamento Nacional de trânsito, e são pessoas jurídicas, como clubes de colecionadores de carros antigos, que podem cobrar uma taxa para realizar a vistoria veicular para conceder o certificado. Após a emissão, essa certificação deve ser reconhecida pelo mesmo órgão nacional.

No site da Federação Brasileira de Carros Antigos, você encontra uma lista com as entidades cadastradas para a emissão do certificado. 

O que pode desqualificar seu automóvel para a certificação 

  • pintura fora do padrão das cores e estilos da época;

  • tapeçaria suja ou encardida;

  • rodas que não sejam originais de fábrica;

  • motor, parte interna e acessórios externos alterados;

  • reparos feitos sem padrão de restauração, ou seja malacabados ou com o uso de massas;

  • Má conservação da parte interna, mecânica e externa do automóvel (desde de sujeira até ferrugem). 

Portanto, atente-se principalmente a limpeza do carango antes da vistoria. Cheque com antecedência o que a entidade escolhida preconiza como critérios para a emissão do certificado. 

Próximos passos após o Certificado de Originalidade

Mudança de categoria do veículo 

Depois de emitido o certificado, o proprietário do veículo deverá providenciar a mudança de categoria junto ao Detran. Lembre-se: o certificado será necessário para fazer o registro do veículo na nova categoria.

Para dar entrada no processo, dirija-se ao Detran em posse do certificado, documento de transferência e solicite emissão de novo Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo e o Certificado de Registro de Veículo. 

No geral o documento de transferência será retido até que o novo documento seja entregue. 

Troca da placa

Somente quando o novo documento chegar, é que a troca da placa poderá ser efetuada pelo Detran.

Modificações pós recebimento da placa

Depois de ganhar a placa preta de carro de colecionador, o proprietário não poderá fazer modificações no veículo, sob pena de perder a certificação de originalidade. Fica a cargo da entidade que certifica os automóveis zelar para que os carros mantenham sua originalidade após o processo. 

Para saber mais sobre carro de colecionador e outros automóveis 

Para os amantes de automóveis, sejam eles clássicos ou top de linha, as revistas especializadas são uma verdadeira mão na roda para manter-se sempre atualizados e saber muito mais sobre esse hobby. 

Confira alguns títulos que você não pode deixar de ler se quiser tornar-se expert na arte dos possantes: 

Agora você está informado sobre todos os trâmites necessários para conquistar a tão sonhada placa preta para seu carro de colecionador. Seguindo nossas dicas e mantendo em dia as leituras especializadas no segmento, será bem mais fácil se adequar às exigências dos órgão competentes e ainda receber dicas de como conservar melhor sua relíquia. 

E sabe o que é ainda melhor? Com o GoRead você pode ler esses e mais 200 outros títulos em qualquer lugar que você estiver! Pode ainda fazer download do conteúdo e ler quando estiver disponível. Maravilha, né? Faça já a sua conta! O primeiro mês é grátis! Até breve!